Contenido principal del artículo

article-details Raquel Bello Vazquez
Rede GALABRA Centro Universitário Ritter dos Reis
Brasil
http://orcid.org/0000-0002-1054-8198
article-details Maicon Camargo
Centro Universitário Ritter dos Reis
Brasil
article-details Marina Eggres
Centro Universitário Ritter dos Reis Bolsista CAPES de Iniciação Científica do edital PIBIC 2016/2018 processo 167070/2017-7
Núm. 30 (2018): Bioeconomía y Memoria Ecológica de los Territorios: Transdisciplinariedad para un Futuro Sostenible, Artículos
DOI: https://doi.org/10.15304/s.30.5359
Recibido: 23-07-2018 Aceptado: 17-10-2018 Publicado: 20-12-2018
Derechos de autoría Cómo citar

Resumen

O trabalho sintetiza a primeira fase de um projeto sobre práticas e discursos relativos à leitura no
Brasil comparando consumos literários reais e o corpus sancionado academicamente e, em consequência, a proposta (implícita e explícita) de modelo de consumo literário, no que diz respeito aos
produtos que deveriam ser lidos e às formas em que eles devem ser consumidos.
Para a elaboração dos resultados utilizamo-nos de dois métodos:
a) A coleta de dados sobre leituras obrigatórias em provas de acesso ao ensino superior e as citações
de produtores em trabalhos acadêmicos e livros didáticos, possibilitando uma correlação entre estes elementos e seu resultado dentro do cânone.
b) A análise e discussão dos resultados da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil (Failla, 2016), em comparação com as listas de mais vendidos de diversas editoras e as leituras obrigatórias dos vestibulares de universidades com programas de pós-graduação com nota máxiam (7) pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) de 2015 a 2017.

Detalles del artículo